Celulite Cervical e Celulite nos Braços

Existem vários tipos de celulite, uns mais conhecidos que outros. Depois do artigo onde informamos alguns dos tipos de celulite, informamos agora outros tipos, talvez menos comuns.

Ao nível cervical da coluna vertebral encontramos numerosas raízes nervosas: pelos orifícios das vértebras cervicais saem os nervos que transportam as sensações de dor de uma grande região da parte superior do corpo humano.

São estes nervos que transportam as sensações dolorosas da nuca, da parte posterior do crânio, dos membros superiores (ombros, braços, antebraços, mãos), da parte anterior do tórax. Os nervos sensitivos da região do coração também têm aqui a sua origem.

Através de estudos vários, sabemos que os tecidos infiltrados de celulite dão origem a compressões, estran­gulamentos das raízes nervosas, provocando dores que o cérebro refere ao local normalmente enervado pelo nervo comprimido.

celulite nos bracos 300x232

Um exemplo tornará mais claro este fenómeno fisio­lógico: o nervo está encarregado de levar ao cérebro sensações dolorosas sofridas na mão; este mesmo nervo, apertado na nuca pela placa celulítica, levará ao cérebro sensações dolorosas da mão, e não da nuca, local da compressão, local da lesão.

Consideraremos, portanto, como sintomas de celu­lite cervical: dores na nuca, no pescoço, da parte de trás da cabeça, nos diversos sectores dos membros superiores, do ombro até às mãos.

Teremos, sobretudo, presente, em virtude da sua importância capital, duas indicações principais destas dores a distância causadas pela celulite cervical.

Falsos cardíacos

A primeira será a que se dirige para a região precor-dial, isto é, a região do tórax situada imediatamente à frente do coração.

Estas dores localizadas na região cardíaca permi-tem-nos empregar o termo dramático.

Com efeito, há um número considerável de falsos cardíacos, isto é, pessoas que sofrem de dores precor-diais, convencidas de que o seu coração está doente, apesar de todos «os exames e todos os testes serem negativos.

Achamos estes erros dramáticos, quando pensamos em todas as pessoas tratadas como cardíacos durante anos, limitando as suas actividades, sofrendo uma angústia quotidiana e o stress emotivo constante de se saber cardíaco, de ano para ano à espera da verdadeira crise, embora sofram apenas duma simples celulite cervical, sem nunca terem sofrido de qualquer doença de coração. Pensamos nessas vidas destruídas, nessas obsessões de famílias inteiras.

Celulite nos Homens

Detenhamo-nos sobretudo na sorte dos homens.

É muito frequente sofrerem de celulite cervical. Esta doença é neles ainda mais desprezada do que nas mulheres. Nunca suspeitamos de uma celulite no homem.

E sabemos que, no fundo, todo o homem cons­ciente das suas responsabilidades, familiares e outras, espera e teme a sua crise. A menor dor provoca-lhe o terror e mesmo um desequilíbrio psicológico, capaz de transformar, de perturbar, toda uma vida.

celulite nos homens 300x300

Mudanças de carácter

Os seus influxos desordenados, inadequados, lan­çados para as regiões cerebrais, os seus influxos impli­cados, incompreendidos, mal interpretados, exercem uma indiscutível influência psicológica e, inconscien­temente, determinam mudanças de carácter.

O primeiro fenómeno a mencionar é o estado de ansiedade, uma nevrose exagerada. Não é do nosso domínio entrar nos pormenores de certas transfor­mações, nem descrevê-las. Devemos somente referi-las.

O segundo fenómeno a mencionar é o efeito directo destas compressões nervosas permanentes que sem cessar transmitem sensações às células cerebrais. Esta constante actividade irrita, deteriora e produz um desgaste, se não mesmo uma desintegração, da célula cerebral consciente, chamada a dar as respostas ade­quadas a todas as agressões sofridas pela nossa pessoa. Esta desintegração, este desgaste, torna o cérebro incapaz de reagir normalmente aos ataques.

Assistimos a mudanças de carácter e de comporta­mento secundários à celulite, e sobretudo à celulite cervical, em virtude da sua influência e das suas irra­diações que directamente se exercem nesta região.

Celulites do braço

Os braços encontram-se muito frequentemente infil­trados de celulite. Perante um caso importante de celulite é pouco frequente encontrar uma ausência de celulite a este nível.

Por outro lado, estas malformações dos braços são muito difíceis de disfarçar e põem problemas de estética primordiais que exigem uma correcção essencial.

Além destes distúrbios, ocasionam doenças físicas, que incluem todas as manifestações celulíticas descritas, dor, hipersensibilidade, entorpecimento, cãibras, impo­tência parcial do membro, sobrevindo em consequência dos distúrbios antes descritos.

E preciso notar ainda que nos obesos os braços celulíticos são de consistência muito mole e bambo­leiam ao menor movimento (pesadelo feminino).

São um verdadeiro desastre, considerado insolúvel praticamente em todos os meios. Há, evidentemente, uma possibilidade de correcção, tal como nos outros estados celulíticos. É inútil suportar um distúrbio que tanto afecta a personalidade e o equilíbrio psicossocial da mulher.

Também devemos acentuar que, para a obesa, estes braços flácidos, sem consistência, passam a cons­tituir reservatórios, bolsas para a acumulação de água.

Causas Celulite nos Braços

1. As celulites do braço são consecutivas às infil­trações descritas na nuca, à bossa de bisonte. Esta grande infiltração comprime as regiões do ombro e da raiz dos membros superiores, perturbações que implicam um atraso circulatório, arterial e venoso, e o estran­gulamento dos nervos, com as consequências já descritas.

2. Não podemos deixar passar despercebido o efeito da compressão exercida nesta região pelas alças do soutien. É inestético, é impensável mostrar seios pendentes. Somos todos desta opinião. Não haveria outras soluções?

Esta indiscutível falta de estética faz que todas as mulheres queiram levantar os seios, dar-lhes uma apa­rência mais firme. Todos concordamos em que é neces­sário pô-los em evidência; é um sinal essencial e primor­dial de feminilidade. Apertamos então as alças dos soutiens, e vemosformar-se um sulco cada vez mais profundo que segue o trajecto da alça até acima do ombro.

Este sulco marca nitidamente o início da celulite dos braços. As infiltrações e as placas celulíticas começam neste local, estendem-se ao longo do braço, até ao cotovelo, cobrindo a face anterior e a face externa do braço, depois a face posterior. É na parte posterior que a celulite fará os maiores distúrbios.

Temos de acentuar, e não encontrámos para o facto qualquer explicação, que a celulite nunca, ou muito excepcionalmente, atinge o antebraço e a mão. A afecção detém-se sempre ao nível do cotovelo, brus­camente, deixando uma demarcação nítida. Este fenó­meno tem um efeito inestético ainda mais acentuado.

Acrescentaremos aqui o bordelete que se forma na região compreendida entre o braço e o tórax, ime­diatamente antes da axila. Este bordelete, sem importância clínica porque não apresenta qualquer sinal ou sintoma, é inquietante do ponto de vista estético. Não é ele o típico resultado da compressão exercida pela alça?


Tags: , , ,

3 Comentários

Deixe a sua Opinião

Perder Peso em Casa? Nunca foi tão fácil. Clique Aqui!